Unitec - Segurança Eletrônica

Ligue Agora!(11) 4616-8733 contato@unitecseguranca.com.br
Unitec - Segurança Eletrônica

Sistema de Alarme

Sistema de Alarme

O sistema de alarme é composto por uma central de alarme e periféricos a ela ligados. Entre eles; teclados, sirenes, receptores de sinal e os diversos sensores apropriados para a proteção de diferente ambientes, daí são definidos setores, que podem ser de disparo imediato ou temporizado. Os setores imediatos são aqueles que não são normalmente utilizados para adentrar ao imóvel, já os temporizados são aqueles que chamamos de setores de entrada, onde inclusive são instalados teclados para o arme e desarme do sistema.

Central de Alarme

Sistema de Alarme

A central propriamente dita consiste em uma placa de circuíto microprocessada, fixada em uma caixa com transformador de energia e uma bateria, para que na falta da energia esta placa continue alimentada. Essa central se comunica dioturnamente com uma Central de Monitoramento por meio de linha telefônica ou um equipamento chamado GPRS que conta com um Chip celular, informando a esta diversos eventos programados, tais como; falta e restabelecimento de energia, arme e desarme (usuário e horário), disparos do alarme, teste de comunicação entre outros.

A forma de ligar os sensores à central pode ser feita via cabo ou por intermédio de um receptor de sinal que nesse caso os sensores de abertura, infra, etc contam com transmissores que vão mandar um sinal de uma intrusão para o receptor, e este aciona a central para disparar sirenes, comunicar o evento à Central de Monitoramento e outras funções programáveis.

A comunicação dos eventos ocorre por linha telefônica o por GPRS, equipamento com chip celular que funciona como back-up da linha telefônica.

Hoje no mercado há diversas marcas de centrais e a Unitec trabalha sempre com aquelas que apresentam as melhores características em relação a recursos, robustez e custo para melhor atender o seu cliente

Teclado

Um equipamento de fácil utilização, através dele opera-se o alarme como armar e desarmar o sistema com códigos que são programados em diversos níveis de segurança. Diversas funções podem ser criadas de acordo com as necessidades. Instalado normalmente próximo à área de entrada e saída sempre protegido por um sensor temporizado. Através do teclado temos todas as informações do sistema de alarme, como falta de energia elétrica, linha telefônica, os setores que foram violados, etc

Sensores

- Sensor de infravermelho passivo é utilizado para detectar a invasão do local, por movimento de um corpo com calor.

- Sensor magnético utilizado para detectar abertura de portas, janelas e alçapões. Utilizado também como armadilha em gavetas.

- Sensor de impato é utilizado para dectar impacto em janelas, portas, paredes, etc.

- Botão de pânico é uma proteção 24hs e silenciosa para o acionamento da Central de Monitoramento em qualquer emergência.

- Sensor para detecção de fumaça ligado 24hs para acionar o alarme em qualquer sinal de incêndio.

- Sirenes também funcionam como sensores, pois é possível programar a central de uma maneira que se uma for cortada, a outra toca e é enviado um sinal à Central de Monitoramento.

- Sempre Alerta é um equipamento normalmente instalado em empresas com vigilância onde o sempre alerta é programado para que em curtos períodos de tempo o vigia faça um reset no equipamento e caso o vigia seja rendido e o reset não feito, a Central de Monitoramento receberá o acionamento e tomará as providências pré determinadas.